Fomos a Paris e também fizemos vídeo



Verdade, desligamo-nos da net mas nem por isso deixámos de registar tudo o que víamos para podermos recordar tudo mais tarde. Também fizemos vídeos, e por isso este que podem ver é assim uma coisa tosca, que foi feita pelas duas enquanto passeávamos, mas que nos apeteceu também partilhar convosco por acharmos um bocadinho amoroso. Claro que somos suspeitas.
Como gostaram tanto das fotos e do que contei, resolvi aproveitar o espaço que me sobrava no post de hoje para publicar mais algumas e para vos falar de coisas mais práticas.




Começando pelo voo, compramos um barato por 50€ que nos levou ao aeroporto de Beauvais. Daqui tivemos de fazer a viagem para Paris num autocarro que leva cerca de 1h15 a fazer o trajecto e custa 17€. Já em Paris, em Maillot, apanham o metro para onde quiserem e é tudo fácil de encontrar.
Claro que deve haver um autocarro mais baratos mas como não vimos forma de comprar o bilhete no aeroporto optámos por este. Provavelmente em Maillot (a estação onde vos deixam em Paris) compram dos outros mais em conta para o regresso.

Quanto ao metro, usamos muito pouco. como conhecemos a cidade por zonas, e tentámos definir uma zona por dia, fazíamos a viagem de metro para o ponto de partida e depois só caminhávamos. Achamos que era um desperdício andar debaixo de terra com tantas coisas bonitas para ver. Por este motivo fazíamos uma viagem ou duas de metro por dia, não mais.



 Uma das coisas pela qual ficámos obcecadas, e eu tinha mesmo de partilhar isto com as meninas, foram as farmácias. Para além de encontrarmos farmácias muito bonitas, lá dentro encontramos coisas que ainda nos arregalaram mais os olhinhos. Vimos todas as marcas que costumamos consumir cá, mas com preços super baixos. Senti-me mesmo numa loja nos chineses de cremes!
Se também vocês adoram cremes e séruns e todas essas coisas, aproveitem a viagem para encher a mala. Marcas francesas lá são super acessíveis, e foi essa a explicação que encontrámos para haver tantas francesas bonitas. Vamos querer ser velhinhas francesas e por isso viemos com a mala cheia.

Existem farmácias a cada esquina, promoções também, mas vou deixar-vos aquela que parece que está em liquidação total e de onde conseguem trazer coisas entre os dez e vinte euros, ou água micelar por seis (posso ir viver para uma farmácia parisiense?).
Esta Farmácia fica na esquina entre a Rue Bonaparte e a Rue du Four e é uma perdição. Fica entre os jardins de Luxemburgo e a Ladurée por isso nem fica fora de mão, passem lá :p



Depois, uma dica para quando forem comer fora ou tomar café, que me foi dita por uma amiga e que tive o prazer de confirmar. A água é oferecida em todo o lado, mesmo quando vocês vão beber um copo de vinho. É por isso natural que se sentem e que mesmo sem pedir nada vos tragam uma garrafa de água e copos para a mesa. Eu, que ando sempre a tentar beber mais água, adorei e acho que é mesmo uma coisa simpática. Ah... e o vinho francês ficou-me no coração, está aprovado!



E para terminar, reforço uma coisa que já antes tinha dito, adorei os franceses e a forma como nos receberam. Sei que há opiniões diferentes, e eu não sei se tivemos sorte, se o factor "duas meninas sozinhas" teve peso, ou se o facto de andarmos sempre a sorrir também puxou pelo sorriso deles. A verdade é que esforçaram-se sempre por nos perceber, falaram inglês (a não ser uma senhora num supermercado que se recusou e mal olhava para nós) quando não sabiam lá tentavam explicar-se com a maior das simpatias e sempre que entrávamos em qualquer lado metiam conversa, diziam que o Porto era bonito e respodiam-nos com um bom dia ou um obrigada!
Dá para não vir apaixonada? Pois claro que não.

Obrigada por todos os vossos comentários no outro post sobre a viagem, foi bom perceber que deixei pessoas com vontade de lá ir e espero mesmo que o consigam fazer em breve :)



12 comentários:

  1. Gostei muito do vídeo. :) Qual é o programa que usam para editar vídeos? Obrigado.

    ResponderEliminar
  2. Que coisa boa [...] que detalhes bonitos de Paris. Só me fazem suspirar e sentir no coração uma saudade nostálgica da minha viagem a Paris — que parece ter sido feita noutra vida. Vou absorver todas as dicas e sugestões e acompanhar de perto esta tua viagem, Raquel, pois este ano vou voltar à cidade da luz, do amor, e sei que a vou ver com outros olhos :)

    um beijinho,
    Sara Cabido | Little Tiny Pieces of Me

    ResponderEliminar
  3. adorei aquele estratégico "oh la la"! ahaha :) super fofo o vídeo <3

    ResponderEliminar
  4. O vídeo deixa-me tão tentada a ir a Paris, ai ai ai ai *.*

    ResponderEliminar
  5. Oh la la! :D
    Gostei tanto deste vosso cheirinho da viagem! :)

    ResponderEliminar
  6. ahaha gostei dos momentos focados nos indivíduos do sexo masculino ! <3

    ResponderEliminar
  7. Que pormenores amorosos e que vontade percorrer essas ruas parisienses!

    Catarina França . La Dolce Vita

    ResponderEliminar
  8. gosto tanto das fotografias! simplesmente lindo!

    ResponderEliminar
  9. Adorei ! Foi bom recordar a minha primeira viagem a paris tinha 17 anos, e agora através das vossas imagens parece-me ser outra Paris, tenho que voltar agora já com 40 anos, vai ser divertido. Obrigado pela partilha...até breve ...

    ResponderEliminar